Impresso em: 28/11/2020 05:06:38
Fonte: http://www.redeto.com.br/noticia-14362-abertas-inscricoes-para-presos-e-internos-em-unidades-socioeducativas.html

Abertas inscrições para presos e internos em unidades socioeducativas

02/10/2014 15:19:35

Juliano Ribeiro / Divulgação
Enem prisional está com inscrições abertas até dia 30 de outubro

Está aberto o período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) voltado às pessoas privadas de liberdade ou cumprindo medida socioeducativa. As inscrições são feitas exclusivamente pela internet, na página do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) e devem ser efetivadas pelo responsável pedagógico de cada unidade prisional até 30 de outubro.

Ao todo, a Secretaria de Estado da Educação e Cultura (Seduc) atua em 12 escolas prisionais no Tocantins. De acordo com a supervisora das Escolas Unidades Prisionais de Palmas, Luciana Moreira dos Santos, o Enem é uma oportunidade para que os reeducandos concluam o ensino médio e possam concorrer a bolsas do ensino superior, como o Prouni e o Sisu. “Uma nova oportunidade de vida. Por meio das escolas prisionais a Seduc incentiva esses jovens e adultos a continuem estudando independente de estarem em situação de privação de liberdade,” ressaltou.

Para viabilizar a participação dos detentos no exame, o responsável pedagógico de cada unidade deverá firmar termo de compromisso e responsabilidade com o Inep, órgão do Ministério da Educação responsável pela aplicação do Enem, e vai acompanhar todo o processo do exame, incluindo o acesso aos resultados e a solicitação da certificação de conclusão do ensino médio e de participação do inscrito no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do MEC.

Avaliações

As provas serão aplicadas nos dias 9 e 10 de dezembro. No primeiro dia, serão respondidas as questões de ciências humanas e suas tecnologias (história, geografia, filosofia e sociologia) e de ciências da natureza e suas tecnologias (química, física e biologia). No dia 10, os participantes fazem as provas de matemática e suas tecnologias; linguagens, códigos e suas tecnologias (língua portuguesa, literatura, língua estrangeira, artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação), além da redação.

 

Da Ascom/Seduc-TO