Impresso em: 19/06/2018 14:57:35
Fonte: http://www.redeto.com.br/noticia-26042-estudante-que-matou-medico-atropelado-pode-ser-levada-a-juri-popular.html

Estudante que matou médico atropelado pode ser levada a júri popular

05/03/2018 20:09:13

Divulgação
O médico Pedro Caldas morre atropelado pela estudante Iolanda Costa Fregonesi, em novembro de 2014, em Palmas; MPE diz que motorista estava alcoolizada

REDAÇÃO
REDE TO


O Ministério Público Estadual ofereceu denúncia criminal contra a estudante Iolanda Costa Fregonesi, de 21 anos, envolvida no acidente de trânsito que matou o médico Pedro Caldas, em novembro de 2014, em Palmas. Para o MPE, Iolanda deve ser condenada por quatro crimes: homicídio doloso qualificado, tentativa de homicídio doloso qualificado, embriaguez ao volante e direção inabilitada.

De acordo com o promotor de justiça Lucídio Bandeira, autor da denúncia, além do acidente que vitimou fatalmente Pedro Caldas e causou lesões corporais em Moacyr Naoyuk ITO, a estudante já havia se envolvido em outro acidente com vítimas, estando igualmente embriagada e sem carteira de habilitação. 

O promotor explica que a qualificadora é devido à impossibilidade da defesa das vítimas, pois não seria possível se defender de um veículo automotor, dirigido por uma pessoa desabilitada e embriagada em plena luz da manhã.

Na denúncia, Lucídio Bandeira pede ainda que Iolanda Fregonesi seja levada ao Tribunal do Júri.