publicidade
publicidade
Araguaína-TO, terça, 17 de setembro de 2019
Siga a REDE TO

Municípios

Alunos do Projovem constroem casa para mulher carente

23/05/2014 11h07 | Atualizado em: 23/05/2014 16h39

Yago Modesto A iniciativa ocorreu durante as capacitações do programa Projovem Trabalhador

Jovens de 40 municípios tocantinenses que participaram do Projovem Trabalhador já concluíram os cursos e estão prontos para o mercado de trabalho. Mas o programa não beneficiou apenas os alunos formandos. Em Axixá, região do Bico do Papagaio, a faxineira, Sandra Lima Mendes, de 30 anos, mãe de seis filhos, viu sua vida mudar para melhor com a construção de sua casa nova, fruto do esforço dos alunos do curso de construção e reparos do Programa. A iniciativa ocorreu durante as capacitações do Projovem Trabalhador.

O professor do curso, José Batista, conta que teve conhecimento da história da faxineira pela Paróquia da cidade, que pediu ajuda para a família de Sandra Lima que morava numa casa de barro com teto de palha. A comunidade de Axixá se mobilizou, e com ajuda de moradores, da paróquia e da prefeitura do município, foi possível conseguir os materiais necessários para construir a casa. “Depois que conheci a dona Sandra e vi como era a situação da casa dela, mobilizei toda comunidade, conseguimos os tijolos, o cimento, a madeira e o resto dos materiais. A construção foi feita pelos alunos do Projovem sob minha orientação”, explicou o professor.

Antes, Sandra Lima vivia com seus filhos numa casa de taipa. A casa nova, agora de alvenaria, foi construída no mesmo lote da antiga, um sonho que se realizou graças ao Projovem Trabalhador. “Eu não tinha onde morar, eles ajudaram a conseguir essa casa pra mim. Estava agoniada, porque a casa de barro estava caindo. Tenho muito a agradecer a todos que me ajudaram nessa casa aqui”, conta a mãe, que agora está feliz com o novo lar.

Sobre o Projovem

As capacitações do Projovem Trabalhador finalizaram no inicio deste mês, com a formatura de mais de 3.000 jovens em 40 municípios do interior do Estado. O programa foi executado no Tocantins com a coordenação da Sejuv – Secretária Estadual da Juventude. Foi oferecido aos jovens qualificação profissional, oportunidade de emprego e preparo para ocupações alternativas geradoras de renda. 

 

Da Ascom/Sejuv

 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.