publicidade
publicidade
Araguaína-TO, terça, 28 de janeiro de 2020
Siga a REDE TO

Estado

Em protesto por reforma agrária, membros do MST bloqueiam rodovia no Tocantins

24/09/2015 20h03 | Atualizado em: 26/09/2015 00h29

Divulgação Os manifestantes usaram pneus em chamas para interromper o tráfego na TO-335, o trecho que liga a rodovia estadual ao pátio multimodal da Ferrovia Norte-Sul

REDAÇÃO


Um grupo ligado ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) interditou nesta quinta-feira, 24, a TO-335, em Colinas do Tocantins, na região norte do estado.

O bloqueio aconteceu no trecho que liga a rodovia estadual ao pátio multimodal da Ferrovia Norte-Sul. Cerca de 200 pessoas participaram do protesto. Os manifestantes usaram pneus em chamas para interromper o tráfego.

Os integrantes do MST cobram agilidade no processo de regularização de terras na região. Eles contaram com o apoio dos motoristas, que aproveitaram a oportunidade para protestar contra a situação precária da TO-335. Segundo os condutores, há buracos em vários trechos e falta sinalização.

Iniciada no começo da manhã, a manifestação só foi encerrada por volta das 18 horas, quando as famílias sem-teto deixaram o local.

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) não se manifestou sobre o protesto desta quinta. Já o Departamento de Estradas e Rodagem do Tocantins afirmou, em nota, que um representante do órgão esteve reunido com os caminhoneiros no local da manifestação. Segundo o Dertins, uma operação tapa-buracos será realizada na TO-335 no próximo dia 6 de outubro. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.

  • Aguarde novas notícias.