publicidade
publicidade
Araguaína-TO, segunda, 30 de novembro de 2020
Siga a REDE TO

Estado

Negociações: Tocantins e Bahia retomam debate sobre limites territoriais

Os representantes dos governos dos estados se reuniram nos dias 7 e 8

11/04/2016 21h18 | Atualizado em: 11/04/2016 21h30

Divulgação/Mara Santos O encontro foi liderado pelos procuradores gerais do Tocantins e da Bahia e acompanhado pelos técnicos de ambos os Estados e pelo representante do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

Com o objetivo de avançar nas negociações para a demarcação dos limites territoriais entre o Tocantins e a Bahia, representantes do Governo dos dois Estados, reuniram-se nos dias 7 e 8 deste mês, para definir ações que possibilitem a demarcação da linha divisória entre Tocantins e Bahia.

O encontro foi liderado pelos procuradores gerais do Tocantins e da Bahia e acompanhado pelos técnicos de ambos os Estados e pelo representante do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A reunião atendeu ao acordo firmado entre Tocantins e Bahia junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Como resultado das negociações ficou decidido que, ainda no primeiro semestre de 2016, serão iniciados os trabalhos de campo para identificação dos aspectos históricos, econômicos, sociais, de conveniência administrativa e a dinâmica atual de ocupação territorial na área de divisa entre os Estados.

Presenças

Do Tocantins, participaram os seguintes órgãos: Procuradoria Geral do Estado do Tocantins (PGE/TO); Instituto de Terras do Estado do Tocantins (ITERTINS); Secretaria do Planejamento e Orçamento (Seplan); Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e da Pecuária (Seagro); Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins).

Já da Bahia, foram mandados representantes da Procuradoria Geral do Estado da Bahia (PGE/BA) e Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI). 

 

Com Secom/Governo do TO

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.

  • Aguarde novas notícias.