publicidade
publicidade
Araguaína-TO, segunda, 21 de outubro de 2019
Siga a REDE TO

Municípios

Pesquisa apontará potencial da cidade para novos voos

28/03/2017 17h05 | Atualizado em: 28/03/2017 20h55

Divulgação Segundo a empresa que administra o aeroporto, Araguaína já comporta mais um voo diário de um Boeing de 138 passageiros ou dois ATRS de 70 passageiros

A Prefeitura de Araguaína está realizando, em parceria com uma faculdade particular, uma pesquisa para traçar o perfil dos usuários do aeroporto local. O levantamento foi dividido em duas etapas, formulário on-line e a presencial, e o resultado será apresentado ao Município.

O superintendente de Desenvolvimento Econômico, Hélter Dantas, explica que atualmente há uma demanda reprimida de voos em Araguaína, onde apenas uma companhia aérea opera e ainda com apenas um voo diário. “Vamos apresentar essa pesquisa para todas as companhias aéreas, inclusive a que opera no aeroporto local, para que conheçam o perfil do usuário que aqui, embarca e desembarca, para onde ele quer ir, de onde ele vem, qual o preço que ele pode pagar, em competitividade com cidades como Imperatriz (MA), Marabá (PA) e Parauapebas (PA)”, comentou.

Segundo Dantas, através de dados levantados na empresa que administra o aeroporto, Araguaína já comporta mais um voo diário de um Boeing de 138 passageiros ou dois ATRS de 70 passageiros. “Hoje esses usuários estão embarcando em outros centros e nós, através da pesquisa, queremos constatar e mostrar que a demanda aqui é alta e a implantação de novos voos será exitosa para as companhias aéreas que aqui se instalarem”, destacou.

Além da pesquisa, a Prefeitura está fazendo um levantamento de dados do aeroporto e do potencial econômico de Araguaína e sua região de abrangência.

Pesquisa

O professor Romualdo Fonseca dos Santos, do curso de Engenharia de Produção da faculdade envolvida na pesquisa, explica como está sendo feita a metodologia dessa pesquisa. De acordo com Santos, ela acontece no âmbito no Programa de Desenvolvimento de Fornecedores Locais.

“Essa pesquisa inicial ela tem como objetivo mapear a demanda de serviços aeroportuários na cidade de Araguaína, considerando os voos com destino e origem em Araguaína. Então pra isso está sendo utilizadas duas metodologias, dois métodos para coleta de dados”, afirmou.

Segundo o professor e coordenador da pesquisa, no primeiro método, ou seja, na primeira etapa, está sendo feita utilização de um formulário on-line. “Ele está sendo divulgado nas redes sociais. Em grupos de pessoas que tem o perfil desejado para a pesquisa, que são pessoas que utilizam com certa frequência os serviços aeroportuários. A nossa expectativa para esta primeira etapa se encerrar até o meio da próxima semana”, informou.

Após a conclusão desta primeira etapa, será feita a parte da pesquisa presencial. “Onde pesquisadores acadêmicos do curso de Engenharia de Produção, vão entrevistar os usuários do aeroporto, com o objetivo de ter informações mais detalhadas de uma amostra do que é a percepção do cliente desse serviço na cidade”, explicou o professor.

Quando estiver finalizada, a pesquisa será disponibilizada para a Prefeitura e para toda comunidade. A expectativa é de que até o início de abril, a pesquisa esteja concluída.

Para acessar a pesquisa e responder o formulário on-line, clique aqui

Ampliação e revitalização

A partir da revitalização e ampliação, o aeroporto deverá contar com a infraestrutura física necessária e a instalação de equipamentos, permitindo que as aeronaves pousem e decolem por instrumentos, trazendo mais conforto e segurança para os passageiros e, com isso, atendendo normas de segurança exigidas pelas companhias aéreas de grande porte.

O projeto está em andamento no Ministério dos Transportes e recebeu sinalização positiva do ministro Maurício Quintella, para que a obra seja licitada ainda no primeiro semestre de 2017. 

 

Com Ascom/Prefeitura

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.