publicidade
publicidade
Araguaína-TO, quinta, 26 de novembro de 2020
Siga a REDE TO

Rede 190

Rixa teria levado irmãos a matarem homem a tiros em Araguaína

É o que afirma a polícia, que prendeu os suspeitos nesta terça-feira, 22

22/08/2017 22h46 | Atualizado em: 23/08/2017 19h25

Divulgação/SSP-TO Wesley Silva, Mendonça, de 22 anos, e Wendel Silva Mendonça, de 24, foram presos, na manhã desta terça-feira, 22, em Araguaína, na região norte do Tocantins

REDAÇÃO


Dois irmãos foram presos, nesta terça-feira, 22, em Araguaína, na região norte do Tocantins, suspeitos de homicídio. Wesley Silva, Mendonça, de 22 anos, e Wendel Silva Mendonça, de 24, foram detidos depois que a Polícia Civil (PC) reuniu indícios do envolvimento deles com o assassinato.

De acordo com o delegado José Rérisson Macedo Gomes, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Araguaína, Wendel e Wesley tinham uma rixa com a vítima, Adriano Venâncio Gomes dos Santos, e decidiram matar o homem para se vingar dele.

O crime foi premeditado. No dia do assassinato, os irmãos foram em uma moto vermelha até a casa de Adriano. Assim que a dupla chegou ao local, Wendel pulou do veículo e, utilizando um revólver calibre 38, efetuou seis disparos contra a vítima, que morreu na hora. 

Depois de chegaram a conclusão de que os irmãos eram os autores do homicídio, a DHPP representou, junto ao Juízo da 1ª Vara Criminal de Araguaína, pela prisão preventiva dos suspeitos. A Justiça aceitou o pedido da especializada e a polícia cumpriu os mandados na manhã desta terça. 

Wesley e Wendel vão responder por homicídio duplamente qualificado. Após serem oubidos na delegacia, os irmãos foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória (CPP) de Araguaína. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.