publicidade
publicidade
Max:32° Min:21°
Araguaína
Araguaína-TO, segunda, 18 de dezembro de 2017
Siga a REDE TO

Estado

Incêndio mata mais de mil animais em oito fazendas na região norte do estado

18/09/2017 11h49 | Atualizado em: 19/09/2017 17h30

Fotos: Divulgação Fogo atingiu propriedades na zona rural de Carmolândia e Araguanã: alguns animais morreram carbonizados, outros sufocados pela fumaça

REDAÇÃO
REDE TO

 

Fazendeiros estimam que mais de mil animais morreram durante um incêndio que atingiu, neste fim de semana, várias fazendas na região norte do Tocantins.

De acordo com o major Guimarães Filho, comandante dos bombeiros em Araguaína, o fogo teve início na manhã de sábado, 16, e só foi controlado neste domingo, 17.

O vento forte e o clima seco ajudaram a espalhar as chamas, que atingiram pelo menos oito propriedades, localizadas entre os municípios de Carmolândia e o distrito de Jacilândia, em Araguanã.

O incêndio, considerado um dos mais devastadores dos últimos anos no estado, destruiu vários quilômetros de vegetação e matou centenas de bois, vacas, cavalos, burros, galinhas e outros animais que eram criados nas fazendas. Alguns morreram carbonizados, outros sufocados pela fumaça.

Inicialmente, os próprios fazendeiros e funcionários das propriedades se mobilizaram para apagar o fogo. Eles usavam bombas de água que eram carregadas nas costas.

Os bombeiros foram acionados por volta do meio-dia de sábado, mas só chegaram ao local cerca de 20 horas depois. Segundo a corporação, as equipes estavam trabalhando em outros ocorrências envolvendo queimadas na região.

A fumaça provocada pelo incêndio tomou o céu e atrapalhou a visibilidade de quem trafegava pela TO-164, entre Carmolândia e Jacilândia. Uma viatura do 2º Batalhão da Polícia Militar (2º BPM) encaminhada à rodovia para prestar suporte aos condutores colidiu com a caminhonete do prefeito de Carmolândia, Neurivan Rodrigues (PMN). Os veículos ficaram danificados, mas nenhum dos ocupantes sofreu ferimentos.  

As causas do incêndio não foram esclarecidas e os prejuízos ainda estão sendo calculados pelos fazendeiros da região. 

Campeão de queimadas

Com mais de 15 mil focos de calor em 2017, o Tocantins ocupa as primeiras posições do ranking de queimadas no Brasil. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), metade destes incêndios foi registrada nas duas primeiras semanas de setembro e os números não param de crescer. 

Na última quarta-feira, 23, um incêndio semelhante ao ocorrido no norte do estado matou entre 30 e 50 cabeças de gado na zona rural de Pedro Afonso, na região central do Tocantins. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.