publicidade
publicidade
Max:31° Min:23°
Araguaína
Araguaína-TO, quarta, 23 de maio de 2018
Siga a REDE TO

Estado

Três pessoas morrem em acidentes de trânsito em Colinas do Tocantins

Em um deles, na BR-153, carro bateu contra a traseira de motocicleta

17/10/2017 22h31 | Atualizado em: 23/10/2017 19h24

Fotos: Divulgação/PRF-TO Um dos acidentes ocorreu na noite desta segunda-feira, 16, na BR-153, onde um carro bateu contra a traseira de uma motocicleta

REDAÇÃO
REDE TO


Três pessoas morreram em dois graves acidentes de trânsito registrados em Colinas do Tocantins, na região centro-norte do estado, entre a noite de segunda, 16, e a tarde de terça-feira, 17. 

O acidente desta terça ocorreu por volta das 11 horas da manhã, no Santo Antônio. A dona de casa Camila de Sousa Moreira, de 23 anos, trafegava em uma motocicleta por uma rua do setor quando colidiu com um caminhão no momento em que este fazia uma curva. Com o impacto, a mulher foi arremessada para baixo do caminhão.

Camila chegou a ser socorrida com vida e levada para o Hospital Municipal de Colinas. Por causa da gravidade dos ferimentos, a dona de casa foi encaminhada para o Hospital Regional de Araguaína (HRA), onde acabou falecendo. 

Segundo os bombeiros, chovia na hora do acidente, o que pode ter atrapalhado a visibilidade dos condutores. As causas da colisão, porém, só serão conhecidas após a conclusão do laudo pericial. 

O motorista do caminhão prestou esclarecimentos na delegacia e foi liberado. A Polícia Civil (PC) informou que vai aguardar o resultado da perícia para apurar eventuais responsabilidades. 

O corpo de Camila foi examinado no Instituto Médico Legal de Araguaína e liberado para sepultamento em Colinas.

BR-153

O acidente de segunda aconteceu por volta das 23h45, na BR-153, próximo a cidade de Colinas. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, um carro bateu contra a traseira de uma motocicleta. 

Duas pessoas morreram no local da colisão: João Rodrigues, de 50 anos, e Maicon Gomes, de 29. Os corpos foram submetidos a autópsia no IML de Araguaína e liberados para velório e enterro. 

A PRF não informou se houve feridos. Já a Polícia Técnico-Científica disse que esteve no local e que, em até 30 dias, irá emitir um laudo com as causas da batida. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.