publicidade
publicidade
Araguaína-TO, quarta, 21 de abril de 2021
Siga a REDE TO

Rede 190

Homem engravida menor e matar criança gerada de estupro no TO

19/12/2017 13h20 | Atualizado em: 19/12/2017 15h33

Divulgação/SSP-TO Antonivaldo Pereira de Sá, vulgo "Corró", de 38 anos, é suspeito de engravidar uma adolescente e matar a criança gerada a partir da relação criminosa que ele mantinha com a menor

REDAÇÃO
REDE TO


Um homem foi preso, na tarde desta segunda-feira, 18, suspeito de estuprar uma adolescente e matar a criança gerada a partir das relações sexuais que ele mantinha com a vítima. O caso aconteceu em Arapoema, na região norte do estado. Antonivaldo Pereira de Sá, vulgo "Corró", de 38 anos, teve a prisão preventiva decretada pela Justiça por estupro de vulnerável e homicídio qualificado.

De acordo com a Polícia Civil (PC), Antonivaldo começou a abusar da menina quando ela tinha apenas 10 anos. A violência teria durado até quando a vítima completou 13 anos. Em decorrência dos abusos, a adolescente engravidou do suspeito. Passados alguns anos, não bastassem as violações praticadas durante anos contra a menor, o homem cometeu um crime bárbaro.

Conforme as investigações, certo dia, enquanto tomava banho com a criança fruto da relação criminosa que Antonivaldo manteve com a adolescente, o suspeito, em um ataque de fúria, arremessou a menina contra a parede. A menina bateu a cabeça e acabou morrendo. No hospital, a equipe médica constatou que ela, assim como a mãe, também tinha sido abusada sexualmente pelo homem. "Além do óbito, a criança apresentava violação aparente em suas partes íntimas", afirmou a polícia. 

Além de ser suspeito de outros estupros na região, Antonivaldo também tem passagens pela polícia por roubo. Ele foi ouvido na delegacia e encaminhado para a Cadeia Pública de Arapoema, onde permanece recolhido. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.