publicidade
publicidade
Max:32° Min:20°
Araguaína
Araguaína-TO, sábado, 26 de maio de 2018
Siga a REDE TO

Municípios

Após denúncia, Justiça autoriza CCZ retirar gatos de residência em Guaraí

09/01/2018 14h42 | Atualizado em: 24/01/2018 18h26

Ilustração Incomodados com barulho e odor provocados pelos animais, vizinhos resolveram acionar a Justiça

O juiz Márcio Soares da Cunha, da 1° Vara Cível da comarca de Guaraí, autorizou a retirada de 50 gatos de um imóvel residencial. As denúncias foram feitas por moradores vizinhos que reclamavam do barulho e odor provocados pelos animais.

Um abaixo-assinado foi entregue para a autoridade sanitária municipal. O departamento de vigilância sanitária, naquele ato, notificou e orientou a proprietária, para melhorar a higiene do local, garantir a saúde física e integridade dos animais, além de controlar a proliferação de doenças, na tentativa de minimizar os transtornos e incômodos aos vizinhos.

Conforme o processo a requerida descumpriu as notificações, não realizando a limpeza do imóvel, também não permitindo a entrada dos funcionários do Centro de Controle de Zoonoses e nem dos fiscais para que procedessem a retirada dos animais.

Ao decidir, o juiz considerou que não se nega a proprietária do imóvel o direito de ter e de cuidar, com paixão dos animais, “no entanto a documentação demonstra que a mesma se opunha à fiscalização do órgão competente, deixando de observar as regras sanitárias, trazendo risco à saúde dos animais e dos vizinhos”, afirmou.

Foi determinado o recolhimento de todos os animais, ficando o centro de Zoonose do Município encarregado dos mesmos até decisão final. O CCZ também ficará com a incumbência de providenciar os exames imediatos nos referidos gatos, destinando os sadios à adoção.

Para o magistrado “o direito de vizinhança sem dúvida deve ser resguardado, há que se atentar para o fato de que os animais em questão também gozam de tutela pelo Estado”, uma vez que a quantidade de felinos em um único imóvel mostra-se desacertado, afetando a saúde e sossego dos vizinhos.

 

Da Cecom/TJ-TO

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.