publicidade
publicidade
Max:32° Min:22°
Araguaína
Araguaína-TO, quarta, 14 de novembro de 2018
Siga a REDE TO

Rede 190

Operação de combate ao tráfico prende mais de 20 em Tocantinópolis

Polícia Civil cumpriu mandos de busca e apreensão e de prisão temporária

26/01/2018 16h08 | Atualizado em: 29/01/2018 18h20

Fotos: Divulgação/SSP-TO Batizada de "Famílias Unidas", megaoperação cumpriu, nesta sexta-feira, 26, dezenas de mandados de busca e apreensão e de prisão temporária em Tocantinópolis

REDAÇÃO
REDE TO


A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta sexta-feira, 26, uma megaoperação contra o tráfico de drogas, em Tocantinópolis, no extremo norte Tocantins. Entorpecentes foram apreendidos e mais de 20 pessoas foram presas. 

Batizada de operação "Famílias Unidas", a operação da PC teve como objetivo dar cumprimento a mais de 30 mandados de busca e apreensão e 20 de prisão temporária. Mais de 70 policiais de Tocantinópolis, Araguatins, Palmas e Araguaína participaram dos trabalhos. A ação também contou com o apoio do helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER), além de uma equipe do Grupo de Operações Táticas Especiais (GOTE). 

De acordo o delegado regional Thiago Daniel de Morais, a operação começou por volta das 5 horas da madrugada desta sexta. Os mandados foram cumpridos em vários pontos da cidade. Três adolescentes foram detidos, e porções de maconha e munições de uso restrito foram apreendidas.

Foram presos temporariamente Pedro Henrique Carvalho (19 anos), Johnnata Gomes (20), Júlio Alves do Nascimento (20), Manoel Maurício Pereira (36),  Leomara Feitosa da Silva (20), Dulcinéia Pereira de Souza (40), Willian Ronan Alves Maciel (32), Evelânia de Souza Barros (25), André Luís dos Santos (20), Julimar Santos (34), Poliana Barros dos Santos (29) Joana Carolina Morais Pereira (24), Alexandre Dias dos Santos (23), Antônio Balduíno Matos (25), Ramon Gomes da Silva (40), Lucivane Miranda Luiz (38), Rosilene Rodrigues da Silva (25), Aldriselha Sousa Chaves (33) e Maria Aparecida Ribeiro Neves. Pedro Henrique, Júlio Alves e Alexandre foram autuados em flagrante. 

Cumpridos os mandados, a polícia realizou uma revista surpresa na cadeia pública de Tocantinópolis. Além de apreender drogas, celulares e carregadores, os agentes cumpriram sete mandados de prisão preventiva contra detentos que já respondem por outros crimes. São eles: Alessandro Barros dos Santos (20), José Carlos Martins dos Santos Conceição (29), Emerson Rodrigues dos Santos (26), Tácio Pereira Marques (28), Alemão Giovani Mendes da Silva (29), Aldenir Gomes de Araújo (21) e Thalles Cerejo Coelho (29).

“A operação representa um grande impacto contra a criminalidade em Tocantinópolis, uma vez que tanto detentos, quanto seus familiares, pouca importância davam ao cumprimento das leis e, em razão disso, a operação de hoje vem mostrar que a lei está aí e deve ser cumprida e que não adianta tentar enganar as autoridades porque uma hora, o estado vai se fazer presente e responsabilizar aqueles que não a respeitam”, explicou o delegado Thiago Daniel. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.

  • Aguarde novas notícias.