publicidade
publicidade
Max:34° Min:19°
Araguaína
Araguaína-TO, quarta, 20 de junho de 2018
Siga a REDE TO

Rede 190

Sicário: Operação da Polícia Civil termina com prisões e morte

Suspeito de três homicídios morreu em confronto com policiais em Gurupi

05/03/2018 21h08 | Atualizado em: 08/03/2018 13h01

Ilustração Investigado por participação em três homicídios, Leandro Moura Lopes, de 25 anos, morreu baleado após reagir a prisão

REDAÇÃO
REDE TO


Uma operação da Polícia Civil (PC) terminou com a morte de uma pessoa e a prisão de outras seis, nesta segunda-feira, 05, em Gurupi, na região sul do Tocantins. 

Batizada de Sicário, os policiais cumpriram sete dos oitos mandados de prisão preventiva decretados pela Justiça. Um dos suspeitos, porém, resistiu ao cumprimento da ordem judicial e acabou morrendo depois de ser baleado. Leandro Moura Lopes, de 25 anos, era investigado por participação em pelo menos três homicídios. 

A polícia disse que está à procura do oito suspeito. Além das prisões, também foram cumpridos vários mandados de busca e apreensão. Um revólver calibre 38 e uma espingarda foram apreendidos.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, as investigações que resultaram na operação Sicário tiveram início em outubro de 2017 e buscam apurar os autores de uma onda de assassinatos motivados pela disputa de facções criminosas por territórios para comercialização de drogas em Gurupi. 

O corpo de Leandro foi encaminhado para exames no Instituto Médico Legal (IML) da cidade e liberado para sepultamento. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.