publicidade
publicidade
Araguaína-TO, quarta, 21 de abril de 2021
Siga a REDE TO

Municípios

Araguaína: Prefeitura irá inaugurar centro de reabilitação em maio

Unidade irá atender pessoas com os mais variados tipos de deficiência

26/04/2018 21h47 | Atualizado em: 27/04/2018 15h29

Fotos: Divulgação/Marcos Filho Nesta semana, técnicos do Ministério da Saúde vistoriaram o CER Luiz Flávio Quinta; centro irá oferecer gratuitamente assistência médica para a habilitação e reabilitação de pessoas com deficiência

A Prefeitura de Araguaína inaugura na primeira quinzena de maio, o Centro Especializado em Reabilitação (CER) Luiz Flávio Quinta, que irá ofertar gratuitamente assistência médica de excelência para a habilitação e reabilitação de pessoas com deficiências auditiva, física, intelectual e visual.

Construído totalmente dentro dos padrões estipulados pelo Ministério da Saúde, o CER Luiz Flávio Quinta segue o projeto original usado em outros CERs do Brasil.

Na manhã desta quarta-feira, 25, o CER foi vistoriado pela arquiteta da Coordenação de Pessoas com Deficiência do Ministério da Saúde, Beatriz Antonini. Acompanhada do secretário executivo municipal da Saúde, Sandro Cardoso, e da assistente técnica Andréa Aires, a arquiteta orientou sobre como deve ser o funcionamento de algumas dependências do centro e deu dica de alguns detalhes que serão inclusos. “Está tudo ótimo, de acordo com o padrão. Agora é só pôr para funcionar!”, comentou.

A estrutura

O CER Luiz Flávio Quinta fica localizado entre os loteamentos Cidade Nova e Lago Azul e tem área total de 2.120m², sendo 2.050m² edificados. Toda a fundação foi construída com pilares de sustentação e paredes com cobertura em laje.

Na parte externa, a unidade conta com estacionamento com acesso para viaturas e visitantes, acesso para pedestres, área de embarque e desembarque coberta para ambulância e área de jardim entre os dois blocos.

A parte interna é dividida em dois pavilhões, separados por uma área de convivência com jardim. O primeiro pavilhão conta com recepção, átrio de prescrição médica, ambiente para macas e cadeiras, dois depósitos de materiais de limpeza, 12 consultórios, sala de reuniões, sala de arquivo, sanitários, sala de utilidades, copa/refeitório, almoxarifado, duas salas da administração, coordenação e sanitários administrativos.

O segundo pavilhão conta com duas salas de terapia em grupo para adultos e duas infantis, três salas de terapia individual para adultos e três infantis, duas salas de estimulação precoce, sanitários adultos e infantis, fraldário adulto e infantil, copa, shaft (sala de comando), sala de AVD, sala de potencial evocado, sala de AASI, consultório otorrino, sala cabine acústica, consultórios de enfermagem, ortopedia, neurologia, oftalmologia, laboratório de prótese ocular, sala de orientação, sala de orientação de mobilidade, depósito de materiais de limpeza, ginásio com quatro box de terapia.

Atendimento

O centro terá capacidade para atender a uma média diária de 100 pacientes, de Araguaína e municípios circunvizinhos que fazem parte da região Médio Norte.

O CER é primeira etapa para implantação do Centro de Reabilitação e Readaptação (CRER) de Araguaína. Foram investidos R$ 5,1 milhões na construção e R$ 2 milhões em equipamentos.

 

Da Ascom/Prefeitura

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.