publicidade
publicidade
Araguaína-TO, domingo, 20 de outubro de 2019
Siga a REDE TO

Municípios

Diferença de preço de ovos de Páscoa chega a 43%

15/04/2019 19h57 | Atualizado em: 16/04/2019 21h35

Divulgação/Procon-TO O ovo de páscoa que apresentou maior variação foi o ovo Bis Meio a Meio, 318g, com variação de 43,24%, vendido entre R$ 34,90 e R$ 49,99

REDAÇÃO
REDE TO


A Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon-TO) realizou entre dias 8 e 10 de abril, pesquisa de preços de ovos de Páscoa e caixas de chocolates em seis estabelecimentos de Palmas. Ao todo, cinco marcas de chocolates foram consultadas e 43 itens pesquisados.

De acordo com o levantamento, o maior percentual de variação de preços foi encontrado na caixa de chocolate Bis 126g, com uma diferença de preço de 59,31%, vendido entre R$ 3,49 e R$ 5,56. Logo em seguida, caixa de Bombom Especialidades, 300g, com variação de 57,22%, vendido entre R$ 6,99 e R$ 10,99. E em terceiro lugar com ficou a Caixa de Bombom Variedades, 289,2g (MARCA LACTA), com variação de 44,63% e preços entre R$ 8,29 e R$ 11,99.

Entre os ovos de páscoa o que apresentou maior variação foi o ovo Bis Meio a Meio, 318g, com variação de 43,24%, vendido entre R$ 34,90 e R$ 49,99.

O resultado completo da pesquisa pode ser conferido neste link

Orientações

Segundo o Procon, é importante que consumidor faça uma comparação entre os preços praticados por diferentes estabelecimentos e também considere a relação qualidade, peso e preço do item a ser adquirido. “Devem ser observadas com atenção como prazo de validade, composição e peso líquido do produto. No caso de ovos com brinquedos, também é obrigatória a indicação de faixa etária ou, se for o caso, frase que informe que não existe restrição de faixa etária”, explica Magno Silva, gerente de fiscalização do órgão.


No caso dos ovos que contêm brinquedos, Silva lembra que o consumidor deve verificar na embalagem se há um informativo sobre a existência do objeto e que este está de acordo com o Sistema Brasileiro da Avaliação da Conformidade. O brinquedo deve ter o selo do Inmetro em sua embalagem, identificação do fabricante (nome, CNPJ, endereço), importador (caso o brinquedo seja importado), instruções de uso e de montagem e eventuais riscos que possam apresentar à criança. 

 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.