publicidade
publicidade
Araguaína-TO, domingo, 20 de outubro de 2019
Siga a REDE TO

Estado

Mais de 60 mil eleitores faltosos têm títulos de eleitor cancelados no TO

29/05/2019 15h55 | Atualizado em: 04/06/2019 13h55

Divulgação Dos 66.330 eleitores faltosos, apenas 4.948 procuraram os cartórios eleitorais para regularizarem a sua situação

REDAÇÃO
REDE TO


60.996 pessoas tiveram o título de eleitor cancelado no Tocantins. A informação foi divulgada, nesta terça-feira, 28, pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

De acordo com o TRE,  dos 66.330 eleitores faltosos, apenas 4.948 se apresentaram nos cartórios eleitorais para se regularizar na data estipulada pela Justiça Eleitoral, dia 6 de maio.

Juntos, os três maiores colégios eleitorais do Tocantins somaram mais de 25 mil títulos cancelados e apenas 2.277 documentos foram regularizados. Em Palmas, foram 13.297 eleitores; em Araguaína, 7.773; e em Gurupi, 4.487. 

A consulta da situação eleitoral pode ser realizada por meio do seguinte link

Consequências

O eleitor que teve o documento cancelado poderá ser impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e contrair empréstimos em qualquer estabelecimento de crédito mantido pelo governo.

A irregularidade também pode gerar dificuldades para inscrição, investidura e nomeação em concurso público; renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo; e obtenção de certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado, entre outras.


 


Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.