publicidade
publicidade
Araguaína-TO, segunda, 23 de setembro de 2019
Siga a REDE TO

Estado

Governador do Tocantins defende aprovação da Reforma da Previdência

11/06/2019 23h38 | Atualizado em: 12/06/2019 20h03

Divulgação Governador Mauro Carlesse (DEM) participa de encontro com governador em Brasília

REDAÇÃO
REDE TO


O governador Mauro Carlesse (DEM) participou, nesta terça-feira, 11, em Brasília, de um encontro com outros chefes de executivos estaduais para debater a Reforma da Previdência. Durante a reunião, os governadores tiveram a oportunidade de apresentar propostas de alteração no texto da reforma, cujo relatório deve ser apresentado na próxima quinta-feira, 13, na Câmara dos Deputados.

Entre as mudanças exigidas pelos governadores estão a retirara do texto o regime de capitalização, uma espécie de poupança que o trabalhador faz para garantir a aposentadoria no futuro; a manutenção das regras atuais de aposentaria rural e das regras de concessão do Benefício de Prestação Continuada (BPC), pago a idosos e a deficientes carentes.


Carlesse defendeu a aprovação da reforma e disse que irá buscar apoio da bancada de deputados federais e senadores do Tocantins.  “É importante esse debate, pois é preciso a consciência de que se a Reforma da Previdência não for aprovada a situação do País vai piorar. Agora cada um dos governadores vai conversar com as bancadas de seus estados em busca de votos, pois é preciso que os estados e municípios também estejam incluídos na Reforma”, afirmou. 

O encontro na capital federal reuniu 25 dos 27 governadores - apenas Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, e Wilson Lima (PSC), não participaram. Além dos chefes dos estados, também estiveram presentes o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Glademir Aroldi, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), o presidente da Comissão Especial da Reforma da Previdência, Marcelo Ramos (PR), e o relator do projeto, Samuel Moreira (PSDB).


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.