publicidade
publicidade
Araguaína-TO, terça, 15 de outubro de 2019
Siga a REDE TO

Estado

Arapoema: Condenado jovem que matou outro após pedir desculpas

27/09/2019 19h55 | Atualizado em: 02/10/2019 16h48

Reprodução/WhatsApp Para despistar, Jackson da Rocha Rezende mandou mensagem para a vítima, José Edson Martins Lopes, pedindo desculpas

REDAÇÃO
REDE TO


O Tribunal do Júri condenou, nesta quinta-feira, 25, Jackson da Rocha Rezende pelo assassinato de José Edson Martins Lopes. O crime aconteceu em dezembro de 2018, em Arapoema, na região norte do Tocantins, momentos depois de o acusado ter encaminhado uma mensagem pelo WhatsApp se desculpando por uma discussão e pedindo para a vítima se despreocupar.

Os jurados reconheceram as as alegações do Ministério Publico do Tocantins (MPTO), representado pelo Promotor de Justiça Caleb Melo, que sustentou a tese de homicídio qualificado, em virtude da traição que dificultou a defesa da vítima.

De acordo com o MP, o réu teria encaminhado a mensagem com pedido de desculpas para distrair a vítima. José Edson foi morto com três tiros na cabeça, disparados por uma espingarda.

A briga foi motivada pelo fato de Jackson sentir ciúmes da ex-namorada, pessoa de quem a vítima era amigo desde a infância e com quem ele havia acabado de se encontrar. 

O réu foi condenado a uma pena de 17 anos de reclusão, em regime inicial fechado. 


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.