publicidade
publicidade
Araguaína-TO, segunda, 09 de dezembro de 2019
Siga a REDE TO

Estado

Denunciado homem que agrediu cadela a marretadas

25/11/2019 21h50 | Atualizado em: 27/11/2019 19h05

Reprodução/Facebook Depois de agredir cadela a marretadas, Pedro César França, morador de Lajeado, na região central do Tocantins, jogou tinta para disfarçar sangue
REDAÇÃO
REDE TO


O Ministério Público do Tocantins denunciou criminalmente um morador de Lajeado, na região central do Tocantins, que feriu uma cadela com golpe de marreta na cabeça.

O fato foi registrado em dezembro de 2018. Quem tornou pública as agressões foram os vizinhos de Pedro César França, dono da cachorra. Logo, a imagem da cadela em uma carroça com vários ferimentos viralizou nas redes sociais. Para disfarçar o sangue, o denunciado tinha jogado tinta vermelha sobre o animal.

No dia do ocorrido, a Polícia Militar foi acionada e prendeu Pedro César perto da casa dele. Ele confirmou ser dono da cadela e confessou a autoria do delito.

De acordo com o MP, Pedro César vai responder por praticar maus-tratos, ferir ou mutilar animal doméstico, crime tipificado no artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais.

Laudo

A denúncia foi apresentada pelo promotor de Justiça João Edson de Souza, que juntou à peça judicial o laudo clínico emitido pelo médico veterinário que prestou atendimento. Conforme o documento, o animal apresentou ferimentos e cortes na região da cabeça, com fratura do crânio, inflamação nasal com muito sangramento e uma protusão traumática no olho. Também registrou-se suspeita de lesão cerebral, já que a cadela apresentou paralisia unilateral.



Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.