publicidade
publicidade
Araguaína-TO, quinta, 22 de abril de 2021
Siga a REDE TO

Municípios

Pesquisa vai avaliar cobertura vacinal em Palmas

15/12/2020 11h57 | Atualizado em: 15/12/2020 12h10

Divulgação Pesquisadores visitarão moradores da Capital em regiões estratégicas para verificar cartões de vacina e aplicar um questionário

Começa nesta terça-feira, 15, pesquisa do Ministério da Saúde (MS), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que abordará a cobertura vacinal das crianças nascidas em 2017. Pesquisadores visitarão moradores da Capital em regiões estratégicas para verificar cartões de vacina e aplicar um questionário.

Para a coordenadora da Central de Vacinas (Cemuv), Elaine Katzwinkel, a pesquisa é de extrema importância, pois aborda a queda das coberturas vacinais em todo País. “A pesquisa vai identificar pontos de maneira mais abrangente, em que possamos investigar qualquer causa e evidenciar a melhor forma de que a população se imunize.”

A coordenadora da Cemuv reforça a importância de a população receber os entrevistadores em suas residências e responder aos questionários. “Com a participação da população podemos fazer um panorama dessa amostra”, reforçou Elaine.

A pesquisa acontecerá de maneira presencial, com entrevistadores da empresa Science, que estarão com camisetas e crachás identificados, e devidamente protegidos com máscaras de proteção e portando álcool em gel.

Pesquisa

Além de Palmas, mais 18 capitais e o Distrito Federal irão participar dessa pesquisa intitulada de inquérito vacinal, que foi encomendada pelo Ministério da Saúde e tem como objetivo identificar se as crianças nascidas em 2017 e que vivem nas áreas urbanas das capitais brasileiras estão com as vacinas em dia.

 

Da Secom/Prefeitura

Leia sobre: Covid-19PalmasPandemiaPrefeituraVacinação
Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.