publicidade
publicidade
Araguaína-TO, Friday, 01 de July de 2022
Siga a REDE TO

Rede 190

Homem que tentou matar a ex-namorada em via pública é preso

10/02/2022 17h33

Divulgação/Dicom SSP-TO
REDAÇÃO
REDETO


O suspeito de tentar matar a ex-namorada a golpes de canivete no município de São Salvador, região sul do estado, foi preso nesta quinta-feira (10). O crime aconteceu no último dia 30 de janeiro.

O homem, de 40 anos de idade, foi preso após ação da 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Gurupi (7ª DRPC), com apoio de agentes da 96ª Delegacia de Palmeirópolis (96ª DP). De acordo com o delegado regional Joadelson Rodrigues Albuquerque, titular da 7ª DRPC, após o crime, policiais civis intensificaram as diligências e investigações e conseguiram localizar o principal suspeito.

O suspeito foi localizado em Palmeirópolis e foi preso mediante cumprimento de mandado de prisão preventiva. Ele teria confessado a agressão, mas disse não se lembrar do fato pois estava embriagado no dia do crime.

O investigado foi encaminhado para a Casa de Prisão Provisória (CPP) de Gurupi.

O crime

Segundo a Polícia Civil, o suspeito estava em uma motocicleta com a ex-namorada, quando passou a desferir pequenos tapas nas costas da vítima, como forma de brincadeira. A vítima então pediu para que o homem parasse com a brincadeira e desceu do veículo. Ele teria perseguido a mulher e a derrubado no chão. Após isso sacou um canivete e desferiu três golpes que a atingiram no pescoço e na garganta. Mesmo ferida a vítima correu pedindo ajuda e buscou refúgio na residência da mãe do agressor que mora nas proximidades do local do crime.

“Percebe-se a audácia do cidadão que, do nada, se enfureceu e golpeou a ex-namorada apenas por ter sido advertido para que parasse com uma brincadeira de mal gosto. Mesmo com testemunhas ao redor, o homem não se importou e por muito pouco não tirou a vida de uma jovem de apenas 23 anos”, disse o delegado Joadelson.

A investigação apontou ainda que o homem foi atrás da vítima com o objetivo de terminar de praticar o crime, mas acabou desistindo quando sua mãe lhe disse que a vítima havia ido embora e iria denunciá-lo. A mulher então foi socorrida pelo irmão do agressor que a levou para o hospital municipal, onde ela foi medicada e precisou levar pontos na garganta. Após receber alta, ela foi até a delegacia e denunciou o ex-namorado.

O homem já tinha passagens pela polícia por outros crimes.


 
Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.