publicidade
Araguaína-TO, segunda, 06 de julho de 2020
Siga a REDE TO

Municípios

Prefeitura de Araguaína é criticada por investir quase R$ 4 milhões em grama

10/07/2013 09h14 | Atualizado em: 10/07/2013 10h11

Divulgação Ao todo, serão investidos R$ 3.750.000,00 na compra da grama, que deverá ser implantada em vários pontos de Araguaína

REDAÇÃO


A Prefeitura de Araguaína contratou recentemente, por mais de R$ 3 milhões, uma empresa de paisagismo para fornecer grama. O contrato, que tem validade de um ano, foi publicado no Diário Oficial do Município. A v
encedora da licitação foi a Corelo Comércio e Construção, que tem sede em Parauapebas (PA). 

Ao todo, serão investidos R$ 3.750.000,00 na compra da grama, que deverá ser implantada em vários pontos da cidade. Em alguns lugares, inclusive, o gramado já chegou. Como na Praça da Vila Ribeiro, que recebeu grama do tipo esmeralda. Ao todo, foram investidos R$ 500 mil com a planta. 

A iniciativa da prefeitura tem gerado polêmica. Para muitos araguainenses, há outras prioridades.

"Sinal que tem muito dinheiro para ficar esbanjando com futilidades. Enquanto a população morre a mingua nos hospitais e a educação publica é lamentável!!!", declarou Fabiana Silva. 

"Uma vergonha, falta de respeito com a população que clama por melhorias na saúde, educaçâo, infra estrutura, combate as drogas e segurança", afirmou Lucy Batista Castro. 

"Ridículo e lamentável", opinou o advogado David Sadrac Rodrigues. 


"A cidade vai virar cartão postal do norte brasileiro, mas é uma pena que nós araguainenses não viveremos pra ver isso" criticou Relff Ferrer.

"Enquanto isso professores da rede pública não receberam suas férias!", indagou Thiago Henrique. 

"É o cúmulo do absurdo! Onde vamos chegar com tanta esbanjação do dinheiro público? Investir na saúde e valorizar os servidores ele nao quer, não é mesmo?', questionou revoltada Enya Nogueira.

"Se a cidade fica desorganizada o povo reclama, se arruma o povo reclama vai entender!!", minimizou Júnior Kalil. 

Ao todo, foram compradas 500 mil placas da planta, no valor de R$ 7,50 cada, que, segundo a prefeitura, devem ser utilizadas em projetos de paisagismo de locais públicos da cidade, conforme a necessidade.


 

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.

  • Aguarde novas notícias.