publicidade
publicidade
Araguaína-TO, quinta, 22 de outubro de 2020
Siga a REDE TO

Municípios

Concurso para procurador inclui vaga para deficiente

30/11/2013 12h14 | Atualizado em: 30/11/2013 13h35

REDE TO/Tarcísio Sousa No novo edital foi instituída uma vaga para portador de deficiência. O prazo para inscrições foi prorrogado para 6 de janeiro de 2014

A Procuradoria Jurídica do Município publicará no Diário Oficial desta sexta-feira, 29, a retificação do edital 01/2013 do concurso público para procurador jurídico, que será executado pela Comissão Permanente de Seleção (COPESE) da Fundação Universidade Federal do Tocantins (UFT). Essa retificação modificou o edital de abertura e instituiu uma vaga para deficiente físico. No novo edital, as inscrições foram prorrogadas até 6 de janeiro de 2014 e a solicitação de isenção da taxa de inscrição até 13 de dezembro de 2013.

Devido ao novo prazo de inscrições, o comunicado divulgado pela organizadora do concurso estabelece novas datas para o pagamento da taxa de inscrição (7 de janeiro de 2014) e para a entrega ou envio dos laudos, quando da inscrição de pessoas com deficiência (6 de janeiro).

Neste certame são disponibilizadas 5 vagas para Procurador Jurídico do Município, na qual uma é reservada para portador de deficiência.

Para exercer o cargo, o profissional deve ter concluído o curso de Bacharelado em Direito, mediante diploma registrado no Ministério da Educação (MEC), com exercício efetivo de pelo menos três anos.

O salário inicial é de R$ 3.000,00 para 40 horas semanais. As inscrições custam R$ 200,00 e devem ser efetuadas por meio do endereço eletrônico www.copese.uft.edu.br ou no Centro de Referência de Assistência Social II, localizado na Avenida São Francisco, nº 1347, esquina com a Rua das Palmeiras, no Setor Araguaína Sul.

Para a escolha dos profissionais, serão realizadas provas objetiva e discursiva, avaliação de títulos e teste profissiográfico. A aplicação da prova objetiva está prevista para o dia 6 de abril de 2014, no turno da manhã e versará sobre os temas mencionados no edital.

Este concurso público terá validade de dois anos, contados a partir da publicação da homologação do resultado final, prevista para 29 de agosto, podendo ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da Secretaria Municipal da Administração.

 

Da Ascom/Prefeitura

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.