Impresso em: 21/10/2021 02:02:05
Fonte: http://www.redeto.com.br/noticia-28053-colinas-vacina-pessoas-com-comorbidades-que-tem-mais-de-30-anos-contra-a-covid.html

Colinas vacina pessoas com comorbidades que têm mais de 30 anos contra a covid

27/05/2021 11:21:40

Divulgação
A vacinação nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) ocorre das 7h às 11 e de 13 às 17 horas, obedecendo o critério adotado de agendamento
A Prefeitura de Colinas do Tocantins, por meio da Secretaria de Saúde, recebeu mais 540 doses de vacina contra a Covid-19. Com isso, irá contemplar com a 1ª dose, o público-alvo de pessoas com comorbidades, acima de 30 anos. A aplicação no Município segue calendário do Ministério da Saúde e distribuição do Governo do Estado.

A vacinação nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) ocorre das 7h às 11 e de 13 às 17 horas, obedecendo o critério adotado de agendamento. O formato adotado se faz necessário, para evitar perda de doses, um frasco contém cinco doses e a validade é de apenas 06 horas da abertura.

Para que a pessoa com comorbidade possa se vacinar, é necessário apresentar o laudo. Somente com o documento é possível receber a dose da vacina.

Primeira fase do Grupo das Comorbidades:

Pessoas com Síndrome de Down, acima de 18 anos; Pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (hemodiálise), acima de 18 anos; oncológicos em tratamento, acima de 18 anos. Pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC), acima de 18 anos. Pessoas com comorbidades de 30 anos acima.

Confira as comorbidades:

Pessoas com doenças cerebrovascular (acidente vascular cerebral isquêmico ou hemorrágico, ataque isquêmico transitório e demência vascular); doenças neurológicas crônicas que impactem na função respiratória, doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular; ( fibromialgia) e indivíduos com deficiência neurológica grave; paralisia cerebral; esclerose múltipla; ou condições similares; hipertensão arterial grau 3, grau 1 e 2 com lesão de órgão alvo; diabetes de mellitus; cardiopatias congênita no adulto; síndrome coronariana; miocardiopatias; pericardiopatias, transplantados de órgão sólidos, doenças da aorta dos grandes vasos e fístulas, próteses valvares; obesidade mórbida IMC acima de 40; anemia falciforme; cirrose hepática; imunossuprimidos ( portador de HIV, doenças reumáticas, asmático em uso de corticoides e demais pacientes em pulsoterapia ou em uso de prednisona); portadores de tuberculose e hanseníase.

Unidades de atendimento


Com Secom/Prefeitura