publicidade
publicidade
Araguaína-TO, terça, 18 de maio de 2021
Siga a REDE TO

Municípios

UTI infantil de Araguaína deverá ser entregue até o fim do mês de abril

05/04/2018 10h33 | Atualizado em: 06/04/2018 12h35

Divulgação/Marcos Filho Vistoria é realizada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica do Hospital Municipal Eduardo Medrado

Representantes da Prefeitura de Araguaína, Estado, Ministério Público Estadual (MPE/TO) e Associação das Mães que Amam (AMA) vistoriaram, na manhã desta quarta-feira, 04, a instalação de equipamentos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica do Hospital Municipal Eduardo Medrado.

O secretário executivo da Saúde de Araguaína, Sandro Rogério Cardoso e a Superintendente de Atenção Especializada Maria Dulcimary Fonseca destacaram que o Município está acompanhando e trabalhando em conjunto diariamente, para que todas as etapas sejam concluídas e a unidade seja entregue dentro do prazo previsto, até o final do mês de abril.

A Promotora de Justiça Araína Cesárea D'Alessandro disse que o intuito da vistoria é acompanhar as etapas de forma a assegurar que tudo está sendo instalado corretamente. “Verificamos que há uma médica acompanhando a instalação, para garantir que todas as normas e orientações do Ministério da Saúde para o funcionamento da Unidade sejam obedecidas”, destacou.

Próxima etapa

Na próxima quinta-feira, 12, a mesma equipe se reunirá para a revitalização dos protocolos dos profissionais que vão compor o quadro da Unidade, e dos que serão responsáveis pelo fluxo de exames de imagens e laboratoriais.

Médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e fisioterapeutas que atenderão na UTI Pediátrica já realizaram treinamento no Hospital Geral de Palmas (HGP), e passarão por um novo treinamento, in loco, assim que a unidade estiver pronta.

Unidade humanizada

A obra da UTI Pediátrica, executada pela Prefeitura de Araguaína, contou com investimentos na ordem de R$ 440 mil e ficou pronta em outubro do ano passado. A unidade contará com layout moderno, dentro do projeto de humanização da Prefeitura, com base no Ministério da Saúde.

 

Com Ascom/Prefeitura

Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.