publicidade
publicidade
Araguaína-TO, Thursday, 18 de August de 2022
Siga a REDE TO

Rede 190

Corpo de suspeito de matar PM é exumado a pedido da polícia

18/02/2022 08h46

Divulgação
REDAÇÃO
REDETO

Após pedido da Polícia Civil, o corpo de Valbiano Marinho da Silva foi exumado na manhã desta sexta-feira (18) em Miracema. O homem é uma das setes pessoas mortas na cidade durante um final de semana violento, registrado no início de fevereiro.

O pedido da exumação aconteceu para a retirada de uma bala que teria ficado alojada na coluna de Valbiano e seria imprescindível para as investigações. As informações são do g1.

A retirada da bala deve ajudar a polícia a confirmar se todas as mortes ocorridas naquele final de semana tem alguma ligação. Equipes da Polícia Civil e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Tocantins, acompanharam o procedimento.

Valbiano é apontado como o principal suspeito de matar o sargento Anamon Rodrigues de Sousa. O militar foi morto durante uma troca de tiros enquanto fazia um levantamento de locais com maior incidência criminal, por meio da Agência Local de Inteligência (ALI) da Unidade, para a realização de uma operação da PM, segundo a corporação.

Manoel Soares da Silva, de 67 anos, e Edson Marinho da Silva, de 37, pai e irmão de Valbiano, foram mortos dentro da delegacia da cidade depois de prestarem depoimento. Cerca de 15 homens encapuzados e armados invadiram o local, renderam os agentes da Polícia Civil e atiraram contra os dois, que morreram no local.

Outros três jovens foram assassinados em Miracema no mesmo final de semana. Eles foram identificados como Aprigio Feitosa da Luz, Gabriel Alves Coelho e Pedro Henrique de Sousa Rodrigues. Uma quarta pessoa foi baleada, mas sobreviveu.




Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.