publicidade
publicidade
Araguaína-TO, Friday, 01 de July de 2022
Siga a REDE TO

Rede 190

Homem é condenado por matar a ex-esposa simulando assalto

20/04/2022 15h01 | Atualizado em: 20/04/2022 15h01

Foto: Araguaína Notícias
REDAÇÃO
REDETO
 
Wilton Rodrigues Rosa, réu pelo feminicídio da ex-esposa Elizanya dos Santos Rodrigues, ocorrido no início de 2021, em Araguaína, na região norte do estado, foi condenado a 14 anos e quatro meses de prisão nesta terça-feira (19). O julgamento aconteceu no Fórum da cidade e a acusação foi feita pelo Ministério Público do Tocantins (TO).
 
Com base nas provas colhidas nas investigações, o promotor de Justiça Guilherme Cintra Deleuse sustentou que Wilton matou a ex-mulher por motivo fútil e com utilização de recurso que dificultou a sua defesa.
 
Elizanya foi morta com um golpe de faca enquanto estava dormindo no dia 24 de fevereiro de 2021. Wilton disse para a polícia na época que a ex-mulher teria sido vítima de um assalto, por volta de meia noite, e que encontrou o corpo às 5h30 da manhã quando chegou em casa, no setor Parque Bom Viver. Ele também teria dito que não conseguiu acionar a polícia antes pois o telefone estava sem sinal e sua moto apresentava problemas.
 
O laudo da perícia, porém, apontou que a casa não possuía sinais de arrombamento. A polícia ainda chegou a encontrar a arma do crime, com manchas de sangue, escondida no quintal. Pelas condições do corpo da vítima, o laudo também concluiu que a morte ocorrera às 5h da manhã e não à meia-noite, como declarado por Wilton.
 
Ainda segundo a sustentação do Ministério Público, Wilton não aceitava o fim do relacionamento com Elizanya, o que teria motivado o crime. O casal havia ficado junto por 20 anos e enfrentava um término conturbado. 

A REDETO não conseguiu contato com a defesa de Wilton para comentar a sentença.

 
Obs.:

A REDE TO coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas matérias. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada e respeite a opinião dos demais. Contamos com a educação e bom senso dos nossos internautas para que este espaço continue sendo um ambiente agradável e democrático. Obrigado.